Felipe Castanhari: Canal Nostalgia

Em 2016, Felipe Castanhari foi eleito pela Forbes Brasil um dos 30 jovens mais promissores do país.

O Canal Nostalgia começou no final de 2011. Felipe Castanhari um dia resolveu buscar produções sobre referências culturais da sua infância. No início, o resultado foi frustrante. À época, Castanhari trabalhava como animador 3D, e tinha estabilidade financeira. O que foi um incentivo para ele investir no seu negócio próprio. Se as coisas não saíssem como o planejado, ele poderia facilmente voltar ao emprego antigo.

O primeiro vídeo do canal foi gravado com uma câmera emprestada de uma amiga e teve o quarto de Felipe como fundo. O sucesso não veio imediatamente, os primeiros vídeos não passaram das mil visualizações. O primeiro vídeo do canal a fase sucesso foi o que falava sobre a TV CRUJ, sucesso no início dos anos 2000, que atingiu mais de cinquenta mil visualizações.

O crescimento avançou e o Canal Nostalgia conseguiu alcançar um público de forma espontânea, chegando a aparecer como destaque na página inicial da plataforma. A partir do quinto vídeo, Castanhari aumentou sua equipe, tornando-se sócio do roteirista Fábio de Almeida, que passou a ajudar tanto na produção dos vídeos quanto na administração da marca. A partir daí, os dois organizaram um plano de negócios e foram aos poucos aumentando sua popularidade.

No total, há uma equipe com 12 pessoas trabalhando no canal. Cada vídeo têm, em média, mais de um milhão de visualizações.

Em 2016, Felipe Castanhari foi eleito pela Forbes Brasil um dos 30 jovens mais promissores do país.

Fonte: wikipedia.org